AJA - Amigos dos Japoneses Antigos

Área pública => Área Técnica => Tópico iniciado por: ROGER MORGAN em 04 de Junho de 2004, 18:16

Título: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: ROGER MORGAN em 04 de Junho de 2004, 18:16
Algum dos AJA tem experiência e referências de alguém que faça pintura em estufa com estrado e cortina de água na zona de Lisboa/Santarém ou arredores?

Será acrilíca ou de base aquosa e é metalizada.

O resultado terá de ser uma pintura sem afundamentos, casca de laranja, impurezas e muito menos escorridos por dentro e por fora. O carro está todo desmontado, irá para a estufa sem rodas e qualquer acessório e já tem algum tratamento da chapa, mas precisa de trabalhos de limpeza, betumes e desempenagem dos vivos etc.

A viatura é a que está em restauro e que foi alvo de posts no tópico da Geral Beneficiação/Restauro de Suspensões.

Terá de ser uma pintura do tipo de fábrica.

Agradeço as vossas dicas :[todoouvidos]  

Título: Estão com medo? Ninguém diz nada?
Enviado por: ROGER MORGAN em 05 de Junho de 2004, 13:28
Então onde está a vossa prosa?

Ela será :[welcome]  

Título: Re: Estão com medo? Ninguém diz nada?
Enviado por: nunoturbo em 05 de Junho de 2004, 18:30
ROGER

Que tal contactares o CPAA? Eles devem ter boas indicações para Ti!

Falo sem saber, mas... essa pintura não custará uma enorme "pipa de massa"?



Old Jap's never die...'cos some clotheads keep bodgin' 'em back together...

Título: Re: Estão com medo? Ninguém diz nada?
Enviado por: rventura em 05 de Junho de 2004, 20:20
Desculpem lá mas eu agora tenho as Festas Populares do Pinhal Novo e tenho tido muito pouco tempo...

Pois eu posso perguntar ao pessoal daqui para vêr o que é que eles me dizem...
Mas eu por esse nome nem conheço esse processo...:pensador]  

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: rventura em 05 de Junho de 2004, 20:38
O meu mecânico diz que em Setúbal conhece uma oficina com estrado de água, mas sem cortina...
Ele vai averiguar mais...
:[fixe]  

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: G40 lover em 06 de Junho de 2004, 01:17
viva,

Roger, não se importa de explicar o porque do estrado e cortina de agua ? em que é isso consiste ? 8o



Cumps

Sílvio

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: BillyJoe em 06 de Junho de 2004, 02:51
Boas...

O Roger...não posso garantir, mas acho que as cortinas de água em cabines de pintura são proibidas....agora só permitem aspiração com filtros indicados...:[fixe]

Fiquem bem

Filinto

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: BillyJoe em 06 de Junho de 2004, 02:57
Boas...outra vez...

A cortina e estrado de agua consite no seguinte:

Dentro da cabine da pintura existe agua em movimento por todos os lados excepto no tecto...claro... A agua "absorve"( não é bem este o termo) toda a tinta que está no ar, impedindo-a de pousar na pintura do carro causando imperfeições...

Não sei se me fiz explicar bem...mas sei bem o que é.

Fiquem bem

Filinto

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: ROGER MORGAN em 07 de Junho de 2004, 04:21
Pipa de massa - és vero

Estrado de água: Existe na estufa um chão gradeado tendo por baixo água.

Cortina de água: em todas as paredes da estufa escorre água e portanto todos os lados do carro estão envoltas (salvo o tecto) em cortina de água que tem a nobre função de agarrar todas as impurezas existentes no ar no interior da estufa de pintura.

A função da água: Evita e minimiza a existência de impurezas na pintura do carro.

Desconheço que seja proibido esse método, só se for pela dificuldade de posteriormente tratarmos a água.

Os filtros da estufa tentam eliminar a existência de particulas no ar da estufa mas forçam a circulação de ar e aí podemos ter problema se os filtros (que são caros) já foram usados em outras pinturas, mas ainda ditos "bons".  

Old & Classic Car Fan

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: Kaizen em 07 de Junho de 2004, 06:42
Esta é a parte que mais me assusta no processo de restauro de um oldtimer!

 Odeio ver ondulações nos paineis dos carros pintados recentemente e infelizmente tive de re-pintar a tampa da mala e capot do meu Celica porque nestes dois casos levaram um produto diferente da carroçaria que fez abater a pintura.


 Mas aqui a questão tem de ser sub dividida (penso eu). De um lado temos a Preparação para a pintura e do outro temos a Pintura. Estou em crer que a diferença entre uma pintura barata e uma pintura cara está na preparação da mesma.


 Se na pintura podemos prevenir a pintura com os diferentes items que foram conversados em cima, como é que se consegue precaver uma boa preparação de pintura?


1º Passeio do AJA em Regularidade - Aveiro 26 de Junho

Título: PINTURA EM GERAL
Enviado por: ROGER MORGAN em 07 de Junho de 2004, 12:52
Pois bem pintura é um revestimento da chaparia por aplicação de tinta.

Como uma cromagem ela deve respeitar uma boa base de trabalho, ou seja a função anterior, a de bate-cahape é bastante importante para um bom trabalho.

Aqui começa o problema, pois como existem betumes e fronteiras de funções o bate-chapas pode puxar culpas para o pintor e vice versa.

Uma desempenagem para pintura, consiste em alinhar com filmes de betume de enchimento os vincos e formas das carroçarias , disfarçar as soldaduras realizadas através dos betumes de enchimento, mas isso é muito diferente de ter betumes com espessuras de milímetros para disfarçar mazelas mal resolvidas anteriormente ou falta de uma boa base de chapa.

Se a chapa não está certa nos paineis não existe trabalho de pintor que possa resistir ao mau trabalho final do conjunto.

A estufa que se falou minimuza a existência de micro particulas que devido ao seu pouco peso (pó ou outras particulas) flutuam na turbulência provocada pela exaustão do interior da estufa e quando tocam na pintura em aplicação (molhada) ficam logo agarradas ao filme que é o revestimento ou no seu interior. Isso constitui normalmente um foco futuro de corrosão.

Os abatimentos normalmente resultam da incompatibilidade de produtos ou desrespeito pelos tempos de cura (secagem) dos produtos aplicados. De notar que se a espessura dos betumes é muita pode a camada exterior estar seca e a interior não. Quando esta seca o material puxa e lá temos os abatimentos.

A casca de laranja resulta de más pistolagens em que se não regulou ou limpou bem o bico da pistola ou não se respeitou a distância de pistolagem nessa zona, assim como as escorrências resultam de uma má pistolagem e excessos de tinta em zonas da carroçaria.

Num restauro de qualidade há duas funções muito importantes que contribuem para o seu resultado final e que são o bate-chapas e a pintura e elas teêm de conviver as duas em simultâneo, sem uma delas não há um trabalho final aceitável.

Título: Re: PINTURA EM GERAL
Enviado por: pedromatos77 em 09 de Junho de 2004, 00:11
gostava que não me intepretassem mal o que vou dizer, mas Roger, e que tal informar-se junto do pessoal do tuning?
isto porque alguns carros do tuning a nível de pintura parecem(alguns)umas verdadeiras obras de arte, e para que isso aconteça, a pintura tem de ser de óptima qualidade, percebe aonde quero chegar?

Título: Re: PINTURA EM GERAL
Enviado por: ROGER MORGAN em 09 de Junho de 2004, 01:59
Pois essa é uma boa pista Pedro.:[fixe]

O pior é que não conheço nenhuma alma dessas..:[cromo]  

Old & Classic Car Fan

Título: Re: Estão com medo? Ninguém diz nada?
Enviado por: pedromatos77 em 09 de Junho de 2004, 02:46
oficina de pintura ver AQUI

Título: Re: Estão com medo? Ninguém diz nada?
Enviado por: Kaizen em 09 de Junho de 2004, 06:18
Quote:
Os abatimentos normalmente resultam da incompatibilidade de produtos


 Foi precisamente o que aconteceu á minha tampa de mala e capot. Os produtos foram diferentes e a tinta abateu e tive de ser pintado novamente.


  O primário e betume ficam mais perfeitos depois de serem acertados á mão ou á máquina? Não existe nenhum instrumento de despistagem de incorreções no tratamento da pintura?

 


1º Passeio do AJA em Regularidade - Aveiro 26 de Junho

Título: Pintura
Enviado por: ROGER MORGAN em 09 de Junho de 2004, 15:41
Sou apologista do desempeno manual em detrimento do da máquina, pois aquele permite uma maior sensibilidade no alinhamento das curvas, dos vincos, da continuidade etc.

Desconheço a existência de métodos de prevenção que não sejam o de um bom profissional com gosto naquilo que faz seja em novo ou velho, mas admito que os possa haver.

Importante também é a limpeza, lixagem e desengordoramento da base antes da aplicação da pintura de forma a termos revestimentos bem aderentes.

Título: Pintura
Enviado por: prelude guy em 09 de Junho de 2004, 22:07
Ora vivam.
O "desaparecido" está novamente de volta (eu vou andando por aqui mas só mesmo a deitar os mirones).
O Prelude continua em "obras". Tambores rectificados e miolo do radiador novo... bolas, parece que falta sempre mais alguma coisa...
Mas, o gozo é mesmo esse, não é:[fun] .

Roger,
tenho aqui oportunidade de me redimir dos teus conselhos de há uns tempos atrás.
Só ainda não respondi porque quis confirmar primeiro :pensador] .
O meu pai (como alguns AJA saberão) possui uma pequena oficina de bate-chapa e pintura.
O meu Prelude (ver fotos "por aí") pode servir de exemplo (embora como "filho do patrão" eu tenha um tratamento mais a despachar que um cliente :( .
A cabina de pintura é em alvenaria; tem umas portas tipo "Câmara frigorífica"; umas grelhas no fundo, debaixo das quais está água; um corredor de filtros no tecto e um "braseiro" que põe tudo aquilo a + 50º em menos de 3 tempos. Água nas paredes é que não há.
De tudo o que falaste (casca de laranja, afundamento, etc.) só a queda de algum grão de poeira é que é um risco... mas que é sempre possível de ser retirado, pelo que me disseram.
O pintor já teve uma experiência de Pintura de um Fiat 124... portanto sabe do que estamos a falar.

A oficina fica em Peniche (acho que dentro da área indicada por ti).
Se estiveres interessado, deixo aqui o meu contacto:
Luís Duarte 91 406 60 81 :[Kolmi] .

Um abraço a todos:[fixe]  

Título: RE:
Enviado por: ROGER MORGAN em 10 de Junho de 2004, 05:44
Primeiro ninguém aqui no AJA me deve algo.

Depois muito obrigado pela tua dica. É uma hipótese a considerar mas há o problema da necessidade de 4 reboques entre o Cartaxo e Peniche, pois o carro será primeiramente pintado os seua interiores, a parte de baixo, a mala e o compartimento do motor.

Depois é montada toda a mecânica e suspensões e novamente pintura da parte exterior.

Está previsto ser assim mas ainda está tudo em aberto.

Depois por telefone dir-te-ei algo. Um muito obrigado.  

Título: PITURA
Enviado por: prelude guy em 11 de Junho de 2004, 20:51
O.K.
Fico às ordens. :[acclaim] .
Com a experiência que todos já percebemos que tens destes "Restauros de Fundo", certamente encontrarás a melhor solução :[boleia] .

??? 4 Reboques??? Mas não era um Opel "qualquer coisa" de passageiros dos anos 70???
:[hihih]  

Título: Re:Pintura geral em estufa
Enviado por: ROGER MORGAN em 14 de Junho de 2004, 10:50
Pois mas sem rodas e qualquer mecânica montada só é esqueleto que não dá para passageiros..... e será só isso que vai para a pintura na 1ª fase e lá está um reboque de ida e outro de regresso.

Depois montagem das suspensões e mecânica e sem interiores ou portas, para lamas, tampa da mala e capot montados novo reboque para o resto da pintura e mais ir e voltar faz 4 reboques no total.


O outro dia, num fim de semana, ao passar na EN 10 na Castanheira do Ribatejo vi uma oficina, com bom aspecto exterior, cuja propaganda falava numa estufa de pintura com cortina.

Esta última sexta-feira, aproveitando a minha "ponte" fui, lá para ver e "cheirar" o ambiente, ver obra feita etc. e encontrei a dita oficina fechada.

Pergunta ali e acolá nos arredores e como resultado a informação que obtive é que faziam sim senhor e bem a pintura ..... mas fecharam há dois meses por falta de fregueses :[burrodocara] :[burrodocara]  :[burrodocara] .

Mais ou menos em frente vi uma outra oficina que tem uma estufa de pintura, onde está a trabalhar um ex-trabalhador da que fechou, mas pelo que lá vi no interior da estufa nem perguntei nada.

Estufa de pintura é como um bloco operatório tem de estar imaculada na sua limpeza o isso não era o caso.:[burrodocara]  nem de perto :[mantafudide] .

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: Kaizen em 18 de Junho de 2004, 05:55
Alguns carros mais recentes têm nas embaladeiras, ou em pequenas partes das embaladeiras uma especie de pelicula por cima da chapa. Normalmente ou é preta a constrastar ou é mesmo á cor da carroçaria, como se chama e de que é feita essa pelicula?


1º Passeio do AJA em Regularidade - Aveiro 26 de Junho

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: nunoturbo em 18 de Junho de 2004, 15:50
De facto essa película que me parece ser de plástico, autocolante, bastante resistente é normalmente utilizada nas embaladeiras e em alguns casos no inicio dos arcos dos guarda lamas traseiros para evitar que areias e pedras "piquem" a pintura. Dá um aspecto mais "clean" ao carro mas faz o mesmo efeito que fazia o anti-gravilha nos carros mais antigos.



Old Jap's never die...'cos some clotheads keep bodgin' 'em back together...

Título: Re: PINTURA GERAL EM ESTUFA
Enviado por: Woody PT em 21 de Junho de 2004, 16:42
Essa pelicula julgo ser tinta, mais espessa e resistente.
Já a utilizei e é justamente por uma questão de resistencia ás pedras e gravilha.
Simpesmente só pode mesmo ser usada em zonas tipo embaladeiras ou no fundo do carro, por ser muito pouco flexível e aderente.


NunoTurbo, o "anti-gravilha" é algo recente.
Nos carros antigos usava-se um revestimento de base asfaltica (o resultado tem uma aparencia semelhante), conhecido como "Flit-coat" (o nome da marca mais popular).
;)  

Título: Pintura
Enviado por: ROGER MORGAN em 21 de Junho de 2004, 18:07
Wrong.

Is the 3M product and is very expensive indeed