Autor Tópico: Introdução ao hypermiling/ecodriving  (Lida 12054 vezes)

Offline rpm

  • Nivel 3
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 2640
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • serrapowa.com
Introdução ao hypermiling/ecodriving
« em: 07 de Junho de 2009, 18:22 »
No seguimento da breve discussão sobre ecologia no tópico "Que "JANA" escolher?", e uma vez que a escolha do automóvel e combustível é apenas o começo, venho falar-vos um pouco do hypermiling, em jeito de "perguntas e respostas".

O que é o hypermiling/ecodriving?
O hypermiling é um modo de conduzir que tem como objectivo minimizar o consumo de combustível e consequentemente as emissões poluentes produzidas, daí ser também chamado de ecodriving. A ideia principal é minimizar acelerações e travagens desnecessárias, assim como tirar partido dos declives do terreno e das características da estrada de maneira a maximizar a eficiência.

Efeitos secundários podem incluír ainda um menor desgaste do automóvel, menos stress e um maior nível de atenção ao volante.

Exemplos práticos?
Reduzir a velocidade, combinar várias viagens curtas numa mais longa, desligar o carro em paragens prolongadas, antecipar semáforos deixando o carro deslizar até ao vermelho, etc, etc...

Como começar?
Lendo a Bíblia do hypermiling, escrita pelo inventor do termo, Wayne Gerdes, em: http://www.cleanmpg.com/forums/showthread.php?t=1510

Preciso de alterar alguma coisa no carro?
Não. Para obter bons resultados basta ter a manutenção em dia.

Mas há alguma alteração que seja benéfica?
Muitos hypermilers aumentam um pouco a pressão dos pneus para ajudar o carro a rolar melhor.

Outra coisa importante é a instrumentação. Sem computador de bordo a aprendizagem é mais lenta e difícil. Felizmente existe um computador de bordo universal para veículos equipados com ficha OBD-II (sensivelmente a partir de 2001 na Europa), o Scangauge. Este pequeno aparelho permite-nos controlar consumos instantâneos, médios, posição do acelerador, carga do motor e muitos outros valores de interesse. Podemos então avaliar de forma simples qual a relação de caixa mais eficiente para cada subida, etc... Saiba mais em http://www.scangauge.net

Há também uma minoria que se dedica a modificações aerodinâmicas e outras. Consultem para isso o site http://ecomodder.com

Que resultados posso obter?
Tudo depende dos percursos percorridos, da técnica utilizada e do próprio carro mas o que se espera é conseguir consumos iguais ou melhores do que os anunciados pelo fabricante.
Apenas como exemplo, actualmente consigo cerca de 50% melhor do que o consumo médio anunciado nos meus Honda a gasolina com relativa consistência (exemplo depósito recorde de 3.97 l/100 Km em Honda EK3 com consumo anunciado de 6.5 l/100 Km).

Como posso saber mais?
Os links abaixo dão pano para mangas:  ;)

http://en.wikipedia.org/wiki/Fuel_economy-maximizing_behaviors
http://en.wikipedia.org/wiki/Hypermiling
http://www.cleanmpg.com
http://www.gassavers.org
http://ecomodder.com
http://www.scangauge.net

« Última modificação: 10 de Junho de 2009, 13:58 por Rui Meireles »
本田技研工業「夢の力」Associado AJA nº 65

Offline Kaizen

  • Yume no Chikara
  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 16330
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • AJA
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #1 em: 08 de Junho de 2009, 18:12 »
De Aveiro ao Choupal em Coimbra e voltar, pela EN2 fiz 3,4L\100 em Corolla 1.4 D4-D, seguindo o que foi escrito neste belissimo tópico.  :D
Rui Coelho
Associado AJA Nº1

Offline Santos Silva

  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 8280
  • Liked: 1
  • スターレット Power!
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #2 em: 08 de Junho de 2009, 23:20 »
Um dia vou querer ser como tu...
Mas só vou conseguir quando me reformar e deixar esta vida de stress e de pressas, de atrasos, de cidade grande...há meses que ando a convender-me a conduzir segundo estes preceitos mas rapidamente "estrago" as médias com uma viagem de manhã para a escola do Filipe porque já estamos "em cima da hora" ou com uma reunião marcada em cima da hora, etc.

Mas é um bom tópico para partilharmos as nossas "conquistas" 8)
Santos Silva
Sócio Fundador nº7

Offline Kaizen

  • Yume no Chikara
  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 16330
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • AJA
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #3 em: 09 de Junho de 2009, 23:45 »
   Já tive 2 carros fantásticos a nivel de consumo, um alemão (que aina tenho) e um francês (que infelizmente já foi), mas a Star Van 2.0D de 97 a 99 com 72cv e bomba injectora comandada electronicamente foi dos carros mais "inteligentes" que tive para se fazer hypermiling.

  As relações de caixa e a linearidade do binário, aliadas á jante 14 de pneu 175 (mais tarde aumentei para 185) permitiam quase sempre, mesmo em condução despachada, fazer médias muito abaixo do anunciado pelo fabricante.

A marca anunciava:

Urbano: 8,4/100
Extra Urbano: 5,3/100
Combinado: 6,4L

Sei que o consumo mais alto que fiz foi 8,2L mas os meus consumos muito frequentes eram na casa dos:

Urbano: 5,5 e 5,8L/100
Extra Urbano: 5,0 e 6,2L7100
Combinado: 5,3 e 5,8L


E nessa época o "extra urbano" não era propriamente em "ecodriving"! Outros tempos :p O meu primo tem uma igual mas não a sabe conduzir (apesar de achar que sabe) e os 1140kg de tara fazem os consumos andarem sempre dentro do anunciado.


Mas nisto dos consumos tenho duas pedras no sapato que nunca consegui consumos sequer parecidos com os anunciados de fábrica!
Rui Coelho
Associado AJA Nº1

Offline rpm

  • Nivel 3
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 2640
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • serrapowa.com
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #4 em: 10 de Junho de 2009, 12:52 »
Actualizei o post inicial com uma referência ao Scangauge, um instrumento muito interessante que ajuda a afinar a técnica de condução.

Excelente valor o do D4D Rui. 3.4 l/100Km ida e volta a gasolina, praticamente só com um híbrido. Mas tens razão, a relação entre o anunciado e o real varia bastante de carro para carro.

Santos Silva, sobretudo em cidade, a diferença de tempo entre uma viagem apressada e uma feita com calma acaba por ser quase negligenciável, pois acabamos por acelerar de semáforo em semáforo... Psicologicamente pode parecer que estamos a perder tempo mas se usarmos um cronómetro podemos ter uma surpresa. Viagens longas de auto-estrada são outra conversa, sem dúvida!

De resto, e apesar de não passar no fundo também de um iniciado, com a devida humildade, estou disponível para tentar esclarecer qualquer dúvida ou discutir alguma técnica em maior especificidade.
« Última modificação: 10 de Junho de 2009, 23:11 por Rui Meireles »
本田技研工業「夢の力」Associado AJA nº 65

Offline Toylex

  • Nivel 4
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 3339
  • Liked: 0
  • 1972 Daihatsu L38V
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #5 em: 10 de Junho de 2009, 13:00 »
Off Topic

O motor 1.4 d4d da Toyota, é provávelmente o melhor motor diesel da Toyota desde o lançamento d4d, consumos, prestações, agradabilidade, TUDO bom.

Já andam por aí os 2.2L e.....................................................
José Manuel Santos - Sócio AJA nº51

Offline landcruiserbj40

  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 678
  • Liked: 0
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #6 em: 16 de Junho de 2009, 13:43 »
 :)

Este tópico é engraçado... porque na minha condução diária eu já fazia muitas destas coisas...

O meu trajecto diária é o seguinte: Coimbra - Leiria  e regresso... Os caminhos são sempre os mesmo... faço nacional 1 até Pombal e A1 Pombal - Leiria e no regresso sempre pela nacional 1... Na condução na A1 faço a velolcidade de cruzeiro de 140km/h

Utilizo algumas destas técnicas, e acho que a antecipação do obstáculo / travagem consegue-se baixar muito os consumos, as recuperações de velocidade elevam imenso o consumo. Desde que comecei a conduzir assim baixei seguramente 1 litro... O carro que uso diariamente é um corolla D4D de 90cv de 2006 com 127000km e com a capacidade do tanque de 54 lts. Eu faço com um tanque semanalmente cerca de 1020 km... que dá cerca de 5,35 l aos 100km. Dá para aprender muita coisa nestes sites... é claro que ao fim de semana esta minha viatura que não passa das 3500 rpm é encostado... o que poupo é para por gasolina nos outros :)



Offline Kaizen

  • Yume no Chikara
  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 16330
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • AJA
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #7 em: 16 de Junho de 2009, 23:41 »
   Na sexta-feira passada fiz Entre-os-Rios -> Aveiro (EN108 @ 60kms\h e A17 @ 110kms\h) ás 03:00AM, cerca de

140kms em Corolla 1.4 D4-D de 90cv (o mesmo que fiz 3,4) todo de origem, com 45.000kms sem ultapassar os limites

de velocidade e sem carga: Fiz 4,3L/100kms.


Nota para o Nuno: Devias referir que o teu motor é o 1.4, porque também há o 2.0 com os mesmos 90cv.


Rui Coelho
Associado AJA Nº1

Offline nunoturbo

  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 9007
  • Liked: 0
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #8 em: 17 de Junho de 2009, 10:48 »
Desde 1997 e enquanto foi vivo que o meu Pai levou esta prática mais a sério.

Um Honda Civic 3 portas 1.5iLS de 115cv, marcadamente virado para a economia, fazia nas mãos dele média de 4,5 lts, tendo chegado a fazer 4,3lts numa viagem ao Algarve. O carro tinha jante 15" pneus 195, filtro de admissão directa e escape do VTI.

Escusado será dizer que nas minhas mãos, 7 lts era uma boa média... :assobio

Actualmente com Scénic 1.5 DCi(longa) de 105 cv, tenho feito em Auto estrada médias de 5.2 a 5.7, sempre a usar o Cruise Control! Tenho dezenas de viagens de cerca de 120 km cada uma sem por o pê no travão mais do que uma ou duas vezes, isto para não duvidarem de eu dizer que por vezes nem no travão toco para passar a Via Verde.

Membro do AJA desde 2003
Sócio Fundador n.º3

Offline RT

  • Nivel 3
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 1630
  • Liked: 0
  • Só existem duas marcas.. As JAPONESAS e as outras.
    • Ver Perfil
    • T@F - TERCEIR@FUNDO
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #9 em: 17 de Junho de 2009, 22:55 »
Eu devia ler isto com muita atenção.. E respeitar..

Mas, dependendo do carro claro, adoro dar um cheirinho a mais no acelarador e sentir o barulho do motor!

Não é por gostar de andar depressa, mas quando alguém vai à minha frente a molengar ultrapasso para poder andar mais à vontade, não gosto de andar constantemente com os olhos colados no carro da frente. Gosto de circular um pouco mais à vontade.

As ultrapassagens, os sticks.. Adorar subir rotações...Infelizmente a minha condução é bastante gastadora.

Mas pode ser que melhore quando o AE estiver pronto. O dinheiro para a gota vai sair do meu bolso.. :assobio

Dizem que isto com o tempo de carta muda.. A ver vamos..
« Última modificação: 17 de Junho de 2009, 22:56 por RT »
'87 Corolla AE86
'89 E30 316i
'90 19 16S
'91 CE90 1.8d
'96 106 XSI

Ricardo Tomás

Offline landcruiserbj40

  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 678
  • Liked: 0
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #10 em: 19 de Junho de 2009, 14:43 »
RT, só para que conste, não sou santo nenhum o que poupo na semana gasto no fim de semana...

Regularmente nos últimos fins de semana, o AE86 sai da garagem ao sábado e o TA22 ao domingo... Se no Celica sou calmo no AE86 não estou sequer a pensar no gasto de gasolina, mas respeito e prezo imenso o desgaste mecânico...
E o TA22 não está propriamente a querer baixar dos 9,5 em condução médio rápido...

Para registo o melhor consumo que consegui com o AE86 foi 6,8 l/100km podemos discutir aqui neste post o regime óptimo do AE86 para fazer estes consumos... no meu cheguei a conclusões engraçadas...

Offline Kaizen

  • Yume no Chikara
  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 16330
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • AJA
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #11 em: 19 de Junho de 2009, 22:01 »
Tens de me dar umas dicas então... é que eu consigo fazer sem dificuldade médias no TA22 dentro dos 6L, conforme já foram sendo publicadas noutros tópicos.

Mas no AE86... nem perto. A muito custo, o melhor que consegui fazer foi 9L numa viagem Lisboa->Porto a 110km\h. Mas deve ser uma caracteristica do meu carro por estar preso, tal como o teu registo, já ouvi o mesmo consumo de mais malta daqui com Corollas GT.

O Corolla GT e a Altea TDI são os únicos carros que tenho que não consigo fazer médias, nem sequer próximas dos valores anunciados de fábrica.
Rui Coelho
Associado AJA Nº1

Offline Toylex

  • Nivel 4
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 3339
  • Liked: 0
  • 1972 Daihatsu L38V
    • Ver Perfil
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #12 em: 19 de Junho de 2009, 22:02 »

Para registo o melhor consumo que consegui com o AE86 foi 6,8 l/100km podemos discutir aqui neste post o regime óptimo do AE86 para fazer estes consumos... no meu cheguei a conclusões engraçadas...

Continuo a dizer que o AE86 é um carro de consumos comedidos, e tendo em conta a motorização é muito económico, se for para circular nas 5500/6500 rpm não sei mas nem gaste 12L não é muito.

Em condução normal o carro consegue circular sem recorrer à cx.  de velocidades até/abaixo das 3000 rpm, ainda recentemente consegui fazer Estrada Nacional com localidades pelo meio quase sempre em 5ª velocidade em + de 70km; consumo calculado sem rigor absoluto de 6.7L/100

Considero neste carro 3500/4000 rpm o regime ideal para poupança de combustível e da mecânica.
José Manuel Santos - Sócio AJA nº51

Offline rpm

  • Nivel 3
  • Classificados
  • *
  • Mensagens: 2640
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • serrapowa.com
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #13 em: 20 de Junho de 2009, 00:27 »
E porque não aproveitar para explorar um pouco mais a temática da faixa de rotação ideal? Tenho feito experiências com o computador de bordo ScanGauge acoplado a vários motores a gasolina de 4 cilindros entre os 1.2 e os 2.2 litros. A conclusão é até bastante simples: desde que o carro não "morra", em termos de consumo, quanto menor a rotação, melhor.

Antigamente passava de caixa pelas 3000 rpm. Actualmente não costumo passar muito das 2200 rpm e os resultados são muito positivos. Isto apenas para dizer que as 3500/4000 rpm num Corolla GT me parecem algo longe da faixa de rotação ideal para obter economia máxima.

Em jeito de crónica, e da relação entre os consumos anunciados e a realidade, tenho a relatar o seguinte. Tenho-me feito deslocar estes dias com um Honda Jazz que anuncia 5.5 l/100 Km, quase menos um litro do que um outro Honda Civic da casa. Com um hypermiling algo agressivo, tenho neste momento 350 Km percorridos e 3.8 l/100 Km no mostrador algo mentiroso do carro. Nada de muito espantoso quando o mais potente Civic consegue fazer quase o mesmo. Notei que é muito fácil fazer consumos de 5 e pouco com o Jazz e que mesmo a fundo é difícil passar dos 10 no instantâneo. Mas, para hypermiling agressivo não rende tanto como o Civic, uma vez que não rola tão bem desengatado... Fica a nota para a importância da aerodinâmica nestas questões.
« Última modificação: 20 de Junho de 2009, 01:05 por Rui Meireles »
本田技研工業「夢の力」Associado AJA nº 65

Offline Kaizen

  • Yume no Chikara
  • Administrador
  • Classificados
  • *****
  • Mensagens: 16330
  • Liked: 1
    • Ver Perfil
    • AJA
Re: Introdução ao hypermiling/ecodriving
« Responder #14 em: 20 de Junho de 2009, 17:30 »
E esse Jazz é novo? Convém sempre referirmos as quilometragens dos carros, os motores variam muito o consumo quando a quilometragem está abaixo dos 30.000kms. Uns mais que outros.
Rui Coelho
Associado AJA Nº1